Financiamento para motoristas por aplicativo

Que o ramo de transporte por aplicativo está crescendo, todos já sabem. A dúvida de muitos agora é sobre alugar ou financiar um carro para atuar nessa área. A verdade é que as duas formas possuem prós e contras. Confira neste artigo quais são eles antes de decidir qual é a forma que se encaixa no seu perfil.

Primeiramente é importante frisar que a decisão de alugar ou financiar vai depender do perfil do motorista. Não significa que existe o melhor, pois tem perfil de motorista que vai ser melhor lugar e que tem aquele motorista que vai ser melhor financiar. 

Outro quesito importante é que a comparação aqui mostrada é para aquelas pessoas que não tem carro próprio ou tem um que não enquadra nos aplicativos e não dá para trabalhar com ele. 

Perfil do motorista 

Existem três perfis de motorista para trabalhar com os aplicativos:

  • O que confunde carro de trabalho com carro de lazer –  é aquele motorista que coloca um carro de R$ 70 mil para rodar. Esse tipo de motorista tem prejuízos ter custos altíssimos para ganhar o mesmo valor do motorista que está com carro de R$ 20 mil. 
  • O que pega um carro mediano – O carro não é tão caro nem muito barato. Ele valoriza o conforto, não vai ter uma manutenção tão cara de carro caro e não vai ter tanta manutenção para você carro barato e antigo. 
  • O que quer trabalhar com carros mais baratos possível – Esse tipo de motorista não se importa com o conforto próprio ou dos passageiros e não interessa se a  tendência é dar muita manutenção. O importante pra ele é trabalhar com carro barato, visando o lucro. 

Comparando o aluguel e o financiamento

Para que essa comparação faça sentido tem alguns parâmetros que temos que seguir. 

  1. Quilometragem rodada pelo motorista por mês 

As empresas de aluguel de veículos determinam a quilometragem que o motorista pode rodar e, em alguns casos, o limite é 60 mil km. Já com um carro próprio você pode rodar o tanto que você quiser. 

  1. Valor médio de aluguel

De acordo com alguns cálculos, o valor médio do aluguel de um carro de R$ 40 mil vai ser de R$ 1.500.

  1. Despesas dos carros financiados

São custos de manutenção, como troca de óleo, alinhamento, balanceamento, correia dentada, bateria, disco de freio, pastilha de freio, vela e cabo de vela, por exemplo. 

A comparação desses itens vai te ajudar a determinar qual é a melhor opção para o seu perfil de motorista. 




Faça Parte! Adicione seu e-mail e receba mais informações

Deixe um comentário